ZAPPIANDO

Posts marcados ‘sandy’

Estrela-Guia: 10 anos de uma novela “paz e amor”

No dia 12 de março de 2011, entrava no ar  “a nova novela das seis”: “Estrela-Guia”.

A novela colocava em foco mundo opostos, como a espiritualidade e naturalidade de uma comunidade alternativa e a materilidade da cidade grande.

Uma novela curta, mas bem feita. Nos bastidores, a expectativa de estreia era grande, pois trazia como a protagonista a cantora Sandy, que nunca havia atuado em novelas. Mas, ao meu ver, ela se saiu bem.

Guilherme Fontes veio fazendo seu par romântico e Carolina Ferraz como a antagonista.

As paisagens, a cenografia e o figurino eram belos, em perfeito trabalho da direção de fotografia, artes e equipe de figurinistas. A fictícia Comunidade Jagatah, no interior de Goiás, recriou fielmente a Comunidade Nova Aliança, existente no Estado.

Em 83 capítulos bem escritos, Ana Maria Moretzsohnn contou uma boa história, gostosa de se acompanhar, ‘sem barrigas’ ( termo que se usa a fase da novela em que nada acontece). A curta duração já estava prevista, mesmo com a boa audiência.

Sinopse – No início da década de 1980, os amigos Tony (Guilherme Fontes) e Bob (Marcos Winter) trabalham na Bolsa de Valores. Cansado da vida corrida, Bob viaja para os Estados Unidos, onde conhece Catherine. Eles se casam e no Brasil, se mudam para a Comunidade de Jagatah, no interior de Goiás. Lá eles têm uma filha, Crystal.

17 anos depois, Crystal (Sandy) fica orfã e vai morar no Rio de Janeiro com Tony, seu padrinho e tutor.  Um choque entre o que estava acostumada e uma nova realidade. Com a convivência, os dois acabaram se apaixonando. Mas, para viver este amor, tiveram que enfrentar o ciumes de Vanessa (Carolina Ferraz), a noiva de Tony, e o preconceito de Carlota (Rosamaria Murtinho), a mãe do rapaz.

Enquanto isso, em Pirinópolis, a ambiciosa pirua Daphne Pimenta (Lilia Cabral) quer se apropriar das terras de Jagatah. E como parte de seus planos, seu filho Carlos Charles (Rodrigo Santoro) tenta seduzir Cristal.

Bastidores – A chamada de elenco apresentava os personagens e não os atores.

O tema de abertura é uma regravação da música Imagine, de John Lennon, na voz de Paulo Ricardo.

Foi a primeira novela do ator Sérgio Marone. Destaque para a atuação de Thaís Fersoza, como a rebelde Gisele.

Lilia Cabral, Rosamaria Murtinho, Lucinha Lins, Rodrigo Santoro e Carolina Ferraz também estavam a vontade em seus papeis e renderam boas cenas de humor.

Relembro entre várias cenas, uma em que Tony termina a relação com Vanessa, no dia do casamento. Quando todos o esperam para o casamento, ele liga e todos ouvem pelo viva voz. E outra, a cena do primeiro beijo dele com Cristal, ao som de Vieste, de Ivan Lins.

Fotos e Vídeos: Divulgação / Youtube

@diniz_paulinho

 

 

Nuvem de tags